Prefeitura Municipal de Capanema

Ir para o Conteúdo Principal da Página Ir para o Mapa do Site

Máxima. 29ºC Mínima. 20ºC

Administração Municipal viabiliza aparelho concentrador de oxigênio para paciente com problema pulmonar

Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2015

Conforme o Secretário a paciente que tem problemas pulmonares utilizava cerca de três cilindros grandes de oxigênio por semana

O secretário municipal de Saúde Geancarlo Denardin, acompanhado do vereador Valdomiro Brizola, realizou na quinta-feira, 29, a entrega de um aparelho concentrado de oxigênio para paciente Marli Martens, moradora da localidade de Linha Brizola. O equipamento foi adquirido pelo valor de R$ 4.500,00

Conforme o Secretário a paciente que tem problemas pulmonares utilizava cerca de três cilindros grandes de oxigênio por semana e devido ao peso do cilindro tinha dificuldades de locomoção mesmo dentro de sua residência e com o objetivo de amenizar seu sofrimento a administração Municipal efetuou a aquisição deste equipamento que é leve e pode ser levado a qualquer lugar. “Realmente a situação dela era muito difícil, a Secretaria de Saúde fornecia gratuitamente os cilindros de oxigênio, mas ela não tinha condições de sair de dentro de casa, ir a igreja ou até mesmo visitar uma visinha, por isso conversamos com a prefeita Lindamir Denardin que prontamente nos autorizou a realizar a aquisição deste equipamento”, disse Geancarlo.

O Secretário lembrou ainda que este é o segundo aparelho adquirido pela Administração Municipal. “A Administração já adquiriu outro aparelho que foi repassado ao paciente Leonardo Pavlak da comunidade de Ressaca”, destacou.

Ao receber o aparelho a paciente Marli Martens falou das dificuldades que enfrentava pelo fato de estar presa ao cilindro de oxigênio. “Pra mim muda a minha vida, por que agora vou poder sair, porque o cilindro grande era muito pesado não tinha como carregar ai eu ficava presa só dentro de casa, caminhava só até onde alcançava, ia na igreja ou na cidade já ficava com medo de passar mal porque ia sem o oxigênio, agora fico mais tranquila, vou poder fazer também alguns serviços como lavar a louça por que antes eu não alcançava na pia”, afirmou.

Dona Marli que sofreu um AVC, ficou 16 dias em coma e teve complicações pulmonares agradeceu também o apoio que tem recebido da Secretaria de Saúde. “A ajuda que eles tão nos dando é cem por cento,  que vem assim as vezes pensa que não é de tanta valia mas só a gente que ocupa e precisa sabe o valor que tem”, destacou.

Tweet

Compartilhe essa notícia

29º 20º MANHÃ TARDE NOITE

Municipio de Capanema